GLOSSÁRIO

+ADSL

Iniciais de Asymmetric Digital Subscriber Line. Tecnologia da família DSL (Digital Subscriber Line) mais adequada para comunicação de dados. Por ser assimétrica, torna-se numa tecnologia indicada para navegação na Internet, já que tem diferentes velocidades de transmissão para upload e download dos dados.

+Adware

Do Inglês Advertising Software. Software especificamente projectado para apresentar banners publicitários. Constitui uma forma de retorno financeiro para aqueles que desenvolvem software livre ou prestam serviços gratuitos. Pode ser considerado um tipo de spyware, caso monitorize os hábitos do utilizador, por exemplo, durante a navegação na Internet para direccionar a publicidade que será apresentada.

+Analytics

O Google Analytics não só lhe permite medir vendas e conversões, como também lhe fornece estatísticas atuais sobre o modo como os visitantes utilizam o seu Website, como chegaram ao mesmo e o que pode fazer para que continuem a voltar.

+Antivírus

Programa desenvolvido especificamente para detectar, anular e eliminar de um computador vírus e outros tipos de código malicioso.

+Apontador

Endereço (URL) incorporado nos dados que especifica a localização desses dados noutro registo ou ficheiros. Uma hiperligação é um exemplo de apontador.

+B2B

Business to Business - Modelo de negócio entre empresas.

+B2C

Business to Consumer - Modelo de negócio entre as empresas e os consumidores finais.

+Banner

Imagem inserida numa página Web, geralmente com uma forma rectangular, e que pretende chamar a atenção do leitor, habitualmente com carácter publicitário.

+Bluetooth

Termo que se refere a uma tecnologia de rádio-frequência de baixo alcance, utilizada para a transmissão de voz e dados.

+Browser

Aplicação de software que proporciona uma interface gráfica interactiva para procurar, localizar, visualizar e gerir informações numa rede. Exemplos: Internet Explorer, Netscape Navigator, FireFox.

+Ciberespaço

Termo utilizado pela primeira vez em 1984 no livro "Neuromancer" de William Gibson para designar um mundo colectivo de uma rede informática. Actualmente, utiliza-se para designar as redes de computadores interligadas que formam um espaço “virtual".

+Comércio Electrónico

E-Commerce. Utiliza-se para designar transacções comerciais realizadas através da Internet.

+Cookies

Os cookies são pequenos ficheiros de texto que, enquanto navega na Internet, alguns web sites têm necessidade de gravar no seu computador. Estes web sites utilizam a informação dos cookies para personalizar os conteúdos (as páginas) que lhe são apresentados, "ligar" os vários écrans necessários para completar transacções (Internet Banking ou efectuar compras na Internet) ou para reunir dados sobre o perfil dos utilizadores. No entanto, apenas têm acesso à informação facultada pelo utilizador, caso contrário, apenas registam os "passos" dados no site mantendo-se o anonimato.

+Design Gráfico

Um designer gráfico é, um conhecedor e utilizador das mais variadas técnicas e ferramentas de desenho. Design gráfico é o processo de comunicar visualmente utilizando imagens e textos para apresentar informação. O design gráfico utiliza de habilidades de desenho, estética, tipografia, artes visuais e diagramação.

+DNS

Domain Name System é um sistema de base de dados, distribuído na Internet, que permite saber o número IP de um domínio em concreto. Este sistema está organizado de maneira a que um domínio dirija o utilizador a um número IP determinado, independentemente da localização geográfica do domínio e do utilizador.

+Domínio

Também chamado sub-domínio, é o nome dado ao computador no qual está alojado o servidor das suas páginas. Este domínio pode ser real, se o computador apenas tiver um nome, ou pode ser virtual, se o computador for conhecido por diversos nomes, i.e., se nele residirem vários domínios. Em linguagem corrente, Domínio é utilizado muitas vezes como o nome que identifica uma entidade (organização, marca, produto) na Internet. O domínio é composto por um nome e por um sufixo (ex: arkis.pt).

+Download

Transferência de programas ou dados de um computador para um dispositivo a ele ligado, normalmente de um servidor para um computador pessoal.

+E-mail

Contracção de Electronic mail. O mesmo que correio electrónico. Sistema de transmissão de mensagens através do computador.

+Firewall

Uma Firewall é um sistema de segurança de rede cujo principal objectivo é impedir acessos não autorizados a computadores ligados à Internet.

+Freeware

Em português: programa (software) gratuito. Os programas do tipo Freeware podem ser utilizados sem qualquer pagamento ou restrição.

+FTP

Iniciais de File Transfer Protocol, ou protocolo de transferência de ficheiros. Protocolo utilizado para transferência de ficheiros entre diversos tipos de sistemas.

+HTML

Iniciais de Hyper Text Markup Language. Linguagem de marcação utilizada para criar páginas e distribuir informação na Web.

+HTTP

Iniciais de Hypert Text Transfer Protocol, ou protocolo de transmissão de hipertexto. Método de transferência de documentos do computador principal ou do servidor para os browers e para os utilizadores individuais.

+HTTPS

Quando utilizado como parte de uma URL, especifica a utilização de HTTP com algum mecanismo de segurança, normalmente o SSL.

+Hyperlink

Hiperligação. Frequentemente abreviado apenas para link. É uma parte fundamental do HTML, uma vez que permite a navegação fácil e rápida entre páginas da World Wide Web. As hiperligações distinguem-se normalmente por serem palavras ou frases destacadas a azul e sublinhadas.

+Hypertext

Hipertexto. Textos ligados entre si. O clique sobre uma hiperligação (hyperlink) situado num texto, conduz o utilizador a um outro texto cujo conteúdo está vinculado ao anterior. O hipertexto é o princípio básico da World Wide Web.

+Internet

Contracção dos termos Interconected Network. O conjunto de redes de computadores mundiais ligadas entre si através do protocolo TCP/IP. O termo é muitas vezes usado para designar a World Wide Web, que através da facilidade da linguagem HTML e da utilização desta forma gráfica de publicar informação se tornou o centro da actividade Internet. A Internet foi criada em 1969 com a ARPAnet e rapidamente estendeu a rede de ligações entre diferentes computadores integrados em redes militares e de centros de investigação. Actualmente é um dos meios de comunicação de maior importância e liga virtualmente todos os países do mundo.

+Intranet

Intranet é uma rede baseada em protocolos TCP / IP. Por outras palavras, trata-se duma rede privada dentro de uma organização que está de acordo com os mesmos padrões da Internet, acessível apenas por membros da organização, empregados ou terceiros com autorização de acesso.

+IP

Sigla de Internet Protocol, ou protocolo Internet. Um endereço IP é um identificador único atribuído a um computador numa rede de computadores com o protocolo TCP/IP. Quando se liga à Internet através do seu ISP, é-lhe atribuído um endereço IP composto por 4 bytes (números), como por exemplo 62.193.242.68. Como é difícil memorizar todos os números, utilizam-se os nomes de domínio.

+IRC

Sigla de Internet Relay Chat. Sistema que permite a interacção de diversos utilizadores ao mesmo tempo, trocando mensagens de texto, em vários canais.

+ISP

Iniciais de Internet Service Provider, ou Fornecedor de Acesso à Internet. São as empresas através das quais os utilizadores se ligam à Internet

+Keylogger

Programa capaz de capturar e armazenar as teclas digitadas pelo utilizador no teclado de um computador. Normalmente, a ativação do keylogger é condicionada a uma acção prévia do utilizador, por exemplo após o acesso a um site de comércio electrónico ou Internet Banking, para a captura de senhas bancárias ou números de cartões de crédito.

+Largura de Banda

Quantidade de informação que pode ser transmitida por unidade de tempo. Na prática, é a velocidade a que se pode enviar e/ou receber informação por via digital.

+Login

Identificação e ligação a uma rede. Quando faz a ligação, o utilizador deve identificar-se fornecendo o seu nome e uma palavra-chave secreta. Em certos casos, em que é permitido o acesso livre, a entrada é realizada como visitante (guest) ou ainda como anónimo (anonymous).

+Modem

Modulator-Demodulator. Interface para o utilizador final que permite transmitir dados digitais através de dispositivos de transmissão analógicos como, por exemplo, as linhas telefónicas.

+Motor de Busca

Ferramenta que indexa as páginas de sites registados. É utilizado no apoio à pesquisa de páginas associadas a um determinado tema ou que incluam determinadas palavras. Os motores de busca surgiram logo após o aparecimento da Internet, constituindo uma preciosa ajuda na pesquisa de qualquer informação na web. Apresentam os resultados de uma forma rápida e organizada. O Google, o Sapo e o Yahoo são exemplos de motores de busca.

+Multimédia

Sistema que combina texto, som, imagem, vídeo e, normalmente, alguma forma de interacção com o utilizador, num único programa.

+Netiquette

Em português: Netiqueta (etiqueta na Internet). Conjunto de regras de boas práticas na utilização da Internet.

+P2P

Acrónimo de peer-to-peer. Arquitectura de rede onde cada computador tem funcionalidades e responsabilidades equivalentes. Difere da arquitectura cliente/servidor, onde alguns dispositivos são dedicados a servir outros. Este tipo de rede é normalmente implementada através de software P2P, que permite conectar o computador de um utilizador ao de outro para partilhar ou transferir dados, como músicas, vídeos, jogos, imagens, etc.

+Phishing

Mensagem não solicitada que se faz passar por comunicação de uma instituição conhecida, como um banco, e que procura induzir os utilizadores a fornecerem dados pessoais. Inicialmente, este tipo de mensagem levava o utilizador a aceder a páginas fraudulentas na Internet. Actualmente, o termo também se refere à mensagem que convence o utilizador a instalar códigos maliciosos.

+Pixel

Abreviatura de Picture Element (Elemento de Imagem). Unidade mais pequena do monitor dum computador a que pode ser atribuída uma cor.

+Plug-in

Utilitário que aumenta a funcionalidade de um determinado programa. Para conseguir navegar em páginas web com funcionalidades especiais, é por vezes necessário instalar os ''plug-ins'' no browser que suportam essas funcionalidades.

+Proxy

Um servidor proxy serve para navegar nas páginas em nome do utilizador e guardar essas página no seu disco, ou seja, se o browser do utilizador estiver configurado para navegar com o ''proxy'' do fornecedor de acesso, as páginas por ele visitadas ficam guardadas no proxy. Quando um outro utilizador pretende visitar uma página que já foi visitada pelo primeiro utilizador, o acesso torna-se mais rápido porque esta já se encontrava guardada no proxy do fornecedor de acesso.

+RDIS

Sigla de Rede Digital de Integração de Serviços (serviço telefónico normal e transmissão de dados). Permite obter uma ligação mais rápida à Internet, através da utilização de uma ligação digital especial, em vez da utilização de uma linha telefónica analógica.

+Router

Equipamento que dentro de uma rede de comunicações faz o encaminhamento de informação da origem ao destino. É uma das bases de funcionamento da rede Internet.

+SEM

SEM, ou Search Engine Marketing, é um conjunto de técnicas de Marketing na Internet que tem por objetivo a promoção de um website nas páginas de resultado de um motor de busca(ex. Google, Yahoo, MSN, etc).

+SEO

O significado de SEO é Search Engine Optimization. Em português ele é conhecido como Otimização de Sites, MOB e Otimização para Buscas. O SEO nada mais é do que a otimização de uma página (ou até do site inteiro) para ser melhor compreendido pelas ferramentas de busca.

+Server

Servidor. Computador central de uma rede, que administra e fornece informação a outros computadores-clientes. Existem servidores Web que disponibilizam páginas online, servidores de mail que distribuem mensagens, etc.

+Shareware

Tipo de programa (software) que é disponibilizado para que o utilizador o possa testar durante um determinado período e que necessita de um registo (pagamento) para que se possa utilizar após esse período inicial de testes.

+Sinalética

Sinalética é um ramo de actividade que produz elementos visuais utilizados em praticamente todos os sectores de atividade com o objetivo principal de auxiliar a utilização correta de normas em edificios públicos e privados em situações normais e/ou excepcionais de emergência.

+Site

Sítio, local. Designação geral de um grupo de páginas web, identificado por um nome de domínio, que apresentam na web uma empresa, um serviço, etc. Engloba páginas web e conteúdos (textos, imagens, vídeos, etc.).

+Spam

O SPAM, também conhecido como Correio Electrónico Não-Solicitado, é correio electrónico enviado em massa (i.e. a mesma mensagem ou mensagens idênticas são enviadas para vários destinatários) sem o prévio consentimento do destinatário.

+Spyware

Tipo de software malicioso que pode vir integrado noutro que pretende instalar, ou estar incluído em componentes Web transferidos ao aceder a determinadas páginas na Internet. Recolhe informações sobre os hábitos do utilizador na Internet e transmite-as a uma entidade externa na Internet, sem o seu conhecimento. Quando infectado, o computador pode adquirir um comportamento diferente do habitual (como ser inesperadamente alterada a página principal do browser).

+Streaming

Na Internet este termo aplica-se normalmente a vídeo e audio que o utilizador começa de imediato a ver/ouvir mesmo quando o ficheiro não chegou na totalidade ao seu computador. À medida que o ficheiro está a ser transferido, o seu conteúdo continua a ser mostrado.

+TCP/IP

Abreviatura de Transmission Control Protocol/Internet Protocol (Protocolo de Controlo e Transmissão/Protocolo Internet). Protocolo padrão de comunicações de rede utilizado para ligar sistemas de computadores através da Internet.

+TLD

Top-Level Domain, significa domínio de topo e é um dos componentes dos endereços de Internet. Cada nome de domínio na Internet é constituido por nomes separados por pontos, sendo o último desses nomes o domínio de topo, ou TLD. No endereço arkis.pt, o TLP é pt.

+Trojan

O Cavalo de Tróia da mitologia aparentava ser um presente mas na realidade continha no seu interior soldados gregos que tomaram a cidade de Tróia. Do mesmo modo, os trojan horses (Cavalos de Tróia) modernos são programas de computador que aparentam ser software útil mas que, na realidade, comprometem a segurança dos computadores e do utilizador. Os trojans propagam-se normalmente quando o utilizador abre e executa inadvertidamente um programa que vinha, por exemplo, num e-mail. Podem também estar incluídos em software disponível para instalação gratuita, pelo que não será demais recordar que nunca deverá instalar software de uma fonte que não considere fidedigna.

+Upload

Carregar. Enviar um ficheiro do próprio computador para uma rede, que pode ser a Internet. É o contrário de download.

+URL

Iniciais de Uniform Resource Locator, ou seja, localizador de recursos unificado. Forma de especificação que indica o endereço do servidor onde estão armazenados os documentos, o caminho do directório e o nome dos ficheiros respectivos.

+Vírus

Componente de código criado com intuito expresso de se replicar. Um vírus tenta propagar-se de computador em computador ao anexar-se a um programa anfitrião, podendo danificar hardware, software ou informações. Tal como a gravidade dos vírus dos seres humanos, os vírus informáticos variam desde uma pequena inconveniência a um elevado grau de destruição. Felizmente, um vírus informático não se propaga sem intervenção humana, sendo necessário, por exemplo, partilhar um ficheiro ou enviar uma mensagem de correio electrónico.

+VoIP

Voz sobre IP. Tecnologia que permite a comunicação de voz sobre uma rede IP, que pode ser uma rede local ou de âmbito alargado, como a Internet.

+VPN

Virtual Private Network, ou Rede Privada Virtual. Designa habitualmente uma rede na qual existem pontos interligados que utilizam a Internet como base de comunicação. Estes sistemas utilizam a criptografia e outros mecanismos de segurança para garantir que apenas utilizadores autorizados possam ter acesso à rede privada e que nenhum dado será interceptado enquanto estiver a passar pela rede pública.

+WAN

Sigla de Wide Area Network. Rede de computadores de larga extensão.

+Web Hosting

Forma de designar o serviço de alojamento e manutenção de sites na Internet. O serviço Web Hosting mais comum consiste no aluguer de espaço num servidor, em que pessoas ou empresas guardam informações, imagens, vídeos ou qualquer conteúdo acessível pela Internet.

+Webmail

Aplicação de e-mail cuja utilização está baseada num website. A recepção e envio de mensagens de correio electrónico faz-se assim através do browser, ao invés de um programa específico de gestão de mensagens como o Outlook Express ou o Thunderbird.

+Webpage

Webpage, página Web ou simplesmente página, é um documento HTML residente na Web, que faz parte de um conjunto de páginas e ficheiros que constituem um web site.

+Wi-Fi

Do Inglês Wireless Fidelity. Termo usado para referir genericamente as redes sem fio que utilizam qualquer um dos padrões 802.11.

+Worm

Um worm, tal como um vírus, é desenvolvido com o propósito de se copiar a si próprio, de computador em computador, mas de forma automática, apoderando-se de funcionalidades do computador que lhe permitem aceder e enviar ficheiros ou informações. A principal diferença entre um vírus e um worm é a capacidade que este tem de se propagar de forma automática, isto é, sem intervenção do utilizador. Um dos grandes perigos dos worms resulta da capacidade de se replicar em grande escala, enviando cópias de si próprio, num efeito de cascata que provoca congestionamento nas redes das empresas e em toda a Internet. Como não precisam de um ficheiro "anfitrião" para se propagarem, podem infiltrar-se no sistema e permitir que terceiros possam assumir, à distância, o controlo do computador.

+WWW

World Wide Web. Rede mundial. O sistema de informação e de fontes baseado no hipertexto (hypertext) da Internet que teve o crescimento mais rápido em toda a rede. Abreviada normalmente como WWW ou apenas Web.

+WYSIWYG

Abreviatura de ''What You See Is What You Get'' (Aquilo que você vê é aquilo que você terá). Quando se diz que um programa é WYSIWYG, significa que aquilo que o utilizador está a ver no ecrá é aquilo que vai sair na impressora ou o resultado final do trabalho.

  • " Sou cliente há 8 anos e a imagem que passa é excelente.
    Só por isso mantenho a minha fidelidade, seja o que for faço com a Arkis."


    foto

    Miguel

    A Marisqueira de Matosinhos

  • "A Horus Gravatas mudou desde que a Arkis desenvolveu o nosso website. A imagem de qualidade, elegância e tradição das gravatas que confeccionamos está agora reforçada e os nossos produtos e serviços são mais procurados, tanto em Portugal como no estrangeiro."


    foto

    Fátima Couto

    Horus Gravatas

  • "Somos parceiros da Arkis há 5 anos e queremos enaltecer o profissionalismo no desenvolvimento do novo site Lar Santa Catarina. Tiveram a capacidade e dedicação de acompanhar o processo pessoalmente, assim como à distância. Consideramos a técnica aplicada ao design gráfico desenvolvido pela Arkis bastante sofisticada, e por isso louvamos a criatividade demonstrada. O novo site ficou mais moderno , simples de consultar e extremamente apelativo.
    Obrigado Arkis!"


    foto

    Manuel Pinto

    Lar Santa Catarina - Reboleiro

TRABALHE COM A NOSSA EQUIPA
CONTACTE-NOS